GO: Quase 6 mil transportadoras passam a emitir CT-e em agosto partir de 1º de agosto

A partir do dia 1º de agosto mais de 5.800 transportadores rodoviários, não optantes do Simples Nacional, passarão a utilizar o Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) em substituição ao documento em papel. A versão eletrônica começou a ser implantada pela Secretaria da Fazenda (Sefaz) no ano passado, conforme cronograma definido no Ajuste SINEF 09/2007, no âmbito do Confaz. O programa do CT-e pode ser baixado gratuitamente por meio do site da Secretaria www.sefaz.go.gov.br.

Atualmente o Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) já é utilizado por 1.400 transportadores goianos dos modais ferroviário, aéreo e dutoviário, conforme cronograma estabelecido pelo ajuste. Em dezembro o documento eletrônico será obrigatório para as transportadoras rodoviárias optantes pelo Simples Nacional, finalizando a implantação. Até o final do ano todas as transportadoras goianas cadastradas na Sefaz – aproximadamente 7.200 – já estarão emitindo a versão eletrônica do Conhecimento de Transporte.

O coordenador de Documentário Fiscal, da Secretaria da Fazenda, Antônio Godoi explica que a mudança da versão em papel para a eletrônica traz vantagens tanto para o contribuinte como para o fisco. “Com a nova versão, o contribuinte não precisa mais se deslocar até uma unidade da Sefaz para solicitar autorização para confeccionar os blocos do Conhecimento de Transporte em papel”, detalha Godoi. Outra vantagem para o contribuinte é que o novo formato facilita o armazenamento de dados e a escrituração do imposto. Com a modernização, toda a operação passa a ser acompanhada pelo fisco em tempo real.

Fonte: Comunicação Setorial – Sefaz-GO

Via: Mauro Negruni.com.br